sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Decorando com Adesivos Criativos

Inspire-se!





























terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Dicas: Festa Infantil


Fazer uma festa de aniversário de criança em casa é uma opção para quem busca um evento personalizado, com flexibilidade de horários e data, além de custos menores. "Pessoas que optam por esse tipo de festa querem que os detalhes pessoais façam parte da comemoração", afirma a assessora de eventos Tamara Barbosa, da Coordinare Eventos.


De acordo com a especialista, qualquer lugar pode ser adaptado para receber os convidados, desde que haja um bom planejamento. Com a ajuda de profissionais da área, o UOL Gravidez e Filhos criou um cronograma com tudo o que deve ser considerado no momento da organização para que a festa seja impecável. Confira:

Quatro meses antes: Prepare a lista de convidados

Após a escolha da data da festa, essa é a primeira tarefa a ser encarada no planejamento. Assim, é possível ter noção da dimensão do evento. Por ser uma comemoração em casa, a quantidade de pessoas que entrarão na lista deve ser proporcional à estrutura que você pode oferecer.

Lembre-se que crianças de até cinco anos, geralmente, vão acompanhadas dos pais. "Uma forma de calcular quantas pessoas se pode receber é somar os assentos disponíveis na casa e acrescentar 30%, imaginando que algumas pessoas sempre circulam para papear entre as rodas", afirma Tamara Barbosa.

Se não houver mesas e cadeiras para todos os convidados, é preciso adequar o cardápio. Em vez de oferecer um almoço ou jantar que necessite de pratos e talheres, escolha um coquetel com lanches, salgados e comidinhas do tipo "finger food" (servidas em miniporções).

CALCULE A QUANTIDADE DE BEBIDA E COMIDA:

É importante também reservar um espaço para oferecer algum tipo de entretenimento às crianças, ainda que na área externa da casa. O número de banheiros também conta. Se forem poucos, é melhor restringir o número de convidados.

Decida quem será a organizadora: você ou uma empresa

Coordenar os preparativos de uma festa sozinha pode custar menos, no entanto, exige muita disponibilidade e dedicação. Pedir orçamentos em empresas especializadas e perguntar a pessoas conhecidas que já fizeram a festa por conta própria pode ajudar na escolha.

"Mesmo que a pessoa opte por fazer tudo sem o auxílio de um profissional, aconselho contratar uma equipe para ajudar na cozinha e repor comidas e bebidas. Afinal, os anfitriões devem ter tempo para receber e curtir os convidados", diz a decoradora e organizadora de eventos Andrea Saladini.

Se optar por contratar um serviço, seja qual for, esse é o momento de ligar para checar a disponibilidade da data escolhida. "O melhor é pesquisar empresas acostumadas a trabalhar em casas, que são totalmente diferentes de um bufê. Muda a logística e a quantidade de garçons. Outra coisa que muda é o cuidado na escolha dos funcionários, já que eles estarão dentro do seu lar", fala Andrea.

Três meses antes: Escolha o tema da festa

A decisão deve levar em conta o gosto do aniversariante. De acordo com a especialista em festas infantis Andréa Guimarães, há algumas unanimidades entre o público infantil. "Em aniversário de crianças entre um e dois anos, dá para apostar em temas mais genéricos, como personagens da Disney, fazendinha e circo. Já os entre três e cinco anos gostam de escolher e querem temas específicos, como Cinderela ou 'Alice no País das Maravilhas', para as meninas, e heróis ou 'Carros' para os meninos", diz.

Se o homenageado tem a partir de seis anos, é bem provável que ele prefira temas que envolvam seriados e novelas voltados para sua faixa etária. "O quanto antes essa decisão for tomada, melhor, já que a decoração, os convites e as lembrancinhas devem ser feitos de acordo com o tema", afirma Andréa.

Defina o cardápio


Festas infantis pedem guloseimas que agradem ao público-alvo, como salgados, minilanches, pizzas, pipoca e doces. É possível inserir opções mais saudáveis no menu, desde que essas tenham algum atrativo para a criançada. Montar espetinhos de frutas coloridas ou oferecê-las em potinhos individuais são boas saídas.


Sucos devem entrar no cardápio, assim como refrigerantes e água, além de bebidas alcoólicas para os adultos (se for o caso). Para calcular o quanto de comes e bebes deverá ter disponível no dia, a reportagem consultou seis bufês infantis e chegou a uma média de 15 unidades de salgados, seis unidades de doces, 150 g de bolo, 500 ml de água, 500 ml de suco e de refrigerante e três latinhas de cerveja por pessoa. Considere apenas os convidados a partir de seis anos.

Dois meses antes: Pense nas atividades de entretenimento

Em comemorações em que há, no mínimo, 20% de crianças entre os convidados é preciso ter uma equipe especializada. Se o número de crianças for ainda maior, então, o serviço é tão importante quanto o bolo.

"Alugar brinquedos e contratar uma equipe de recreadores é a solução mais comum. Mas há muitas outras opções, como oferecer shows com personagens infantis e grupos circenses", diz Andréa Guimarães.

Prepare os convites

Se for encomendar os convites a uma gráfica, o pedido deve ser feito nesse momento. "Festas em casa também combinam com convites feitos à mão pelo anfitrião, que ajudam a conferir uma atmosfera mais íntima e personalizada", afirma a organizadora de eventos Flávia Gurgel.

Os convites devem ser entregues, pelo menos, 15 dias antes do evento. Se a comemoração for apenas para os amigos próximos e familiares, também vale convidar por telefone, e-mail ou Facebook.


Seis semanas antes: Apronte as lembrancinhas

Elas servem como uma recordação especial da festa, principalmente, se forem personalizadas. "As lembrancinhas são bem-vindas mesmo em festas mais íntimas. Elas representam um cuidado com os convidados", diz Andréa Guimarães. E, se você concorda, essa é a hora de começar a prepará-las.

Mini Cupcakes sachês by Artes e Afagos
Se for fazer sozinha, compre os materiais necessários. Se optar por produtos prontos, faça o pedido. "Uma boa pedida são as lembrancinhas comestíveis, como saquinho de doces ou caixa de bombons ou, então, algo que possa ser aproveitado depois da festa. Um jogo de canetinha, lápis de cor ou giz de cera, por exemplo", fala Tamara.


Mini Cupcakes sachês by Artes e Afagos

Quatro semanas antes: Comece a organizar a decoração

A vantagem de fazer uma festa em casa é que os elementos decorativos da própria casa podem compor a ambientação, assim como alguns itens favoritos do quarto da criança. Nas alas que serão reservadas aos adultos, vasos com flores são suficientes para tornar o local mais atrativo.

Chinelos Personalizados by Shopp Outlet
O tema da festa aparecerá com destaque na mesa principal, onde ficam os doces e o bolo. "Hoje em dia, aquelas decorações exorbitantes, com esculturas de isopor, deixaram de ser tendência. Mas a decoração com balões nunca sai de moda", diz Rodrigo Frias, proprietário da empresa de entretenimento Batuque de Gato. Temas e cores unificam a decoração ao serem inseridos em todos os detalhes: copos, guardanapos, pratos e forminhas de doces.

É nesse momento que tudo o que você planejou deve ser conferido, inclusive a contratação de serviços terceirizados. Assim, caso algo dê errado, ainda há tempo para lançar mão de um plano B. As lembrancinhas também devem ser finalizadas nessa semana.

Vá às compras

Três dias antes, compre as comidas e bebidas. Se for cozinhar, trace um planejamento com bastante critério, de modo a não acumular tarefas no dia do evento.


Um dia antes: Adiante o que for possível

Coloque todas as bebidas para gelar e veja se é possível adiantar alguns detalhes da decoração. Mas atenção: os balões devem ser inflados só no dia da festa, pois murcham rapidamente.

No dia da festa: Encontre um tempo para relaxar

Comece os preparativos logo cedo, para que possa descansar um pouco antes de os convidados chegarem. Também é importante que o aniversariante esteja bem relaxado para aproveitar a própria festa.

Vizinhos

Um cuidado importante ao organizar uma festa em casa é em relação ao barulho. Para evitar problemas, o ideal é se programar para que a comemoração termine até as 22 horas.

Ainda assim, se não for convidar os vizinhos, é uma atitude gentil avisá-los do evento e pedir desculpas antecipadas pelo incômodo, que, possivelmente, será gerado por causa da movimentação de pessoas. Dificilmente, um deles vai criar caso com você depois de uma abordagem tão educada.


Créditos



segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

O Que É Preciso Para Prosperar?


cofrinho_macaé
Todas nós queremos prosperar. 
Fato. 
Mas o que fazer para que isso deixe de ser apenas um desejo e se torne realidade?

Muita gente me pergunta qual é o segredo da prosperidade e, algumas vezes, a pergunta já vem acompanhada de alguns palpites: 

É ter um emprego estável e que pague bem? 
É ter a mão fechada e não gastar? 
É ter um negócio próprio e não ter patrão? 
É ser dizimista e ofertante fiel? 



Quase sempre esses palpites têm a ver com o dinheiro em si, mas esse não é o item principal para prosperar, por mais que essa frase pareça bem doida. Então vamos direto ao ponto:

Para ser bem-sucedida financeiramente, a primeira coisa que você deve ter não é dinheiro, mas sim organização.

Se você não for organizada, poderá ter o emprego dos sonhos e ganhar rios de dinheiro, mas, no final das contas, vai gastar sem saber seus limites (achando que nem tem limites) e vai se enrolar toda.

Se você só se propuser a guardar dinheiro, provavelmente não vai conseguir e vai se frustrar, pois só é possível guardar dinheiro de verdade quando você se organiza para isso. Do contrário, vai guardar e, depois de um tempinho, terá que recorrer ao que guardou.

Se abrir um negócio sem saber o que está fazendo, sem um mínimo de organização e controle, vai acabar quebrando a cara (falo isso com conhecimento de causa).

E, por último, se você não for organizada, jamais vai conseguir ser dizimista fiel. Como dar o dízimo corretamente se você não sabe direito quanto ganha? Como saber que oferta você pode dar se não tem suas contas bem organizadas? Você vai acabar dando o que não pode ou não dando nada. Isso vai fazer as dúvidas começarem a encher sua cabeça de minhocas e aí já sabe, né?

Então, amiga, comece o ano se organizando, pois esta é a única maneira que você poderá entender sua verdadeira situação e se preparar para o que virá. Afinal, como Deus poderá lhe dar alguma coisa maior, se você não está sabendo cuidar do que tem agora? 

Nos vemos!


sábado, 25 de janeiro de 2014

Tranças: Tendências 2014


Os holofotes se voltaram para as tranças no segmento de beleza mostrado nas últimas semanas de moda, nacionais e internacionais. O foco para a próxima temporada está no topo da cabeça, em penteados bastante elaborados. As semanas de moda de Paris, Nova York, São Paulo e Rio de Janeiro apresentaram diversos estilos de trança, coques e topetes, variando dos mais conceituais aos mais "usáveis". Independente do penteado escolhido, a tendência aponta que é hora de prender ou estilizar as madeixas para sair do lugar comum.

Alessa - O hair da grife trouxe uma trança imbutida, pode-se dizer, lateral. Alguns fios fora do lugar, propositalmente, também marcam presença, e o trançado é super justo.



Embora estejam relacionadas ao romantismo, as tranças apareceram com força total nas passarelas em contextos opostos ao estilo romântico. Tranças nos estilos medieval, mais despojadas, com referência hippie ou mais futuristas [vide Tufi Duek foto acima], foram alguns dos estilos mostrados nas passarelas. A trança embutida também aparece, assim como a trança em formato de flor, presa e transpassada no topo da cabeça - que remete a um arco ou adereço -, a trança que é feita contornando as laterais e a no estilo ‘espinha de peixe’, presa atrás, na lateral ou no alto - vistas tanto no Rio quanto em Nova York.



Outras idéias:






quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Homem consegue fazer uma floresta crescer em pleno deserto


Yacouba Sawadogo aplicou uma técnica simples de tratamento do solo. Até um documentário já foi produzido sobre o assunto, e hoje milhares de pessoas querem aprender a fazer o mesmo.

Responda rápido: é uma boa ideia tentar plantar alguma coisa em um solo desértico? Pois é. A sua resposta é a mesma dada por quase todo mundo: lógico que não é uma boa ideia. A opinião é diferente, porém, para um homem chamado Yacouba Sawadogo que, indo contra a lógica mais fácil, conseguiu fazer o solo desértico ficar produtivo.

Sawadogo simplesmente desenvolveu uma nova forma de reflorestamento e reaproveitamento do solo no país africano de Burkina Faso, afinal ele já sabia que uma terra, para ser produtiva, precisa ser também bem tratada. A questão era descobrir um jeito de tratar da maneira certa um solo desértico que havia sofrido erosão graças ao alto índice populacional da região.

Na década de 80, cansado de ver suas plantações acabando por causa da terra “ruim”, Sawadogo decidiu colocar em prática um antigo ensinamento conhecido como “zai”, que consiste em fazer sequências de pequenos buracos no chão para preenchê-los com adubos e fezes de animais. Essas aberturas são capazes de reter a água da chuva e manter uma espécie de reserva. As sementes de árvores plantadas ali crescem normalmente.


Os terrenos devem ser preparados durante a seca, o oposto do que se poderia imaginar seguindo um raciocínio lógico, e por isso Sawadogo chegou a ser ridicularizado pelos moradores vizinhos. O fato é que, depois de 20 anos, as terras de Sawadogo estavam produtivas e ele já tinha uma floresta de 30 hectares, com mais de 60 espécies de árvores.

Quando percebeu que suas estratégias estavam funcionando, o fazendeiro passou a organizar palestras em suas terras, para ensinar a técnica a outros interessados. A ideia foi tão incrível que o cineasta Mark Dodd resolveu criar um documentário e narrar a história do “Homem que parou o deserto”, contando como apenas ele salvou a vida de uma das regiões consideradas mais desérticas de todo o mundo.

Agora que a prática já é divulgada, Sawadogo tem recebido doações do mundo inteiro, para investir em suas pesquisas e em usos de técnicas como as de escoamento lento, que leva água de poço à terra.


A pergunta que fica é: será que essa técnica não pode ser usada em outras regiões secas além da África? Aqui mesmo, no Brasil, enquanto você deixa a água do chuveiro correndo por alguns minutos até que o aquecimento a gás faça efeito, famílias inteiras no Nordeste vivem com baldes de água que conseguem nas visitas raras de caminhões-pipa. Essas mesmas famílias sofrem com a seca, com a morte de seus animais sem pasto, com a falta de trabalho e oportunidade.

A ideia de Sawadogo já é reconhecida como uma das mais eficazes de todos os tempos e poderia ser bastante útil em casos como os comuns – e esquecidos – aqui mesmo, em nosso país.

Chris Reji, do World Resources Institute, acredita que a ideia deve ser espalhada a milhões de fazendeiros em todo o mundo, para que cada vez mais árvores sejam plantadas, o que alteraria as condições do solo e, inclusive, ajudaria na adaptação às mudanças climáticas. E aí, o que você acha de ajudar a espalhar essa ideia?

Desde que Dodd produziu o filme sobre a história de Sawadogo, a atenção ao caso tem sido cada vez maior. Ele já deu palestras em vários eventos de agricultura e sustentabilidade. No primeiro vídeo abaixo, assista ao trailer do filme; no segundo, veja uma grande reportagem da MDC sobre a repercussão do documentário (ambos os vídeos estão em inglês, mas você pode ativar as legendas automáticas, nas configurações do YouTube):





via


terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Varal de sorvetes


Ótima idéia para decorar uma festa, vinda do site Cristal Festas,  vamos ao passo a passo?

Você vai precisar de:

5 bolas de favo de mel;
Molde (baixe aqui);
Papel cartão;
Barbante;
Perfurador;
Cola;
Tesoura.



Como fazer:

Faça o molde do sorvetinho no papel cartão, recortando e dobrando na linha traçada. 
Cole as laterais, formando um cone. 
Abra a bola de favo de mel e faça um buraquinho no cone para colocar o barbante. 
Passe cola nas bordas do cone e coloque o favo de mel.
 Ponha cada cone dentro de um copo para secar em pé.
 Por fim, passe o barbante por cada cone, formando a guirlanda. Prontinho!



Agora é só usar na decoração que quiser!






domingo, 19 de janeiro de 2014

Chips de batata e abobrinha


Nada mais saboroso que degustar chips. Mas que tal fazê-lo de forma saudável? Esse chips de batata e abobrinha é uma delícia e possui apenas 39 kcal por porção. Prático de fazer, é uma opção para matar a fome em qualquer hora do dia. Experimente!!!

Ingredientes:
* 1 abobrinha cortada em fatias finas
* 1 batata cortada em fatias finas
* Sal grosso triturado a gosto


Modo de fazer:
Deixe a batata de molho em água com gelo por 15 minutos. Forre o prato do microondas com papel próprio para ir ao forno (tipo Assa-Fácil) e disponha a batata escorrida temperada com sal grosso. Cozinhe na potência alta por 8 minutos, virando na metade do tempo. Repita o procedimento com a abobrinha. Transfira a abobrinha e a batata para uma fôrma antiaderente e leve ao forno baixo preaquecido por 10 minutos.

Rende: 2 porções (2 xícaras)
Calorias por porção (xícara): 39 kcal

Uma xícara do chips tradicional de abobrinha tem 176 calorias – um verdadeiro abuso energético, especialmente se fizermos a comparação com esta receita. Deixar a batata imersa em água gelada é o truque para garantir que os chips fiquem crocantes.



sábado, 18 de janeiro de 2014

DataStickies: Pen drives que funcionam como post-its



A partir de agora, todos aqueles lembretes colados no monitor do computador finalmente vão armazenar dados. Dois designers criaram um conceito de pen drives USB feitos de papel fino, que se aderem com facilidade a qualquer superfície.

Os DataStickies foram desenvolvidos por Parag Anand e Aditi Singh, do estúdio de design ASDS, de Nova Délhi. Pela sua descrição, parece que eles se cansaram se tentar achar portas USB, criando um pen drive que armazena dados e os transfere diretamente para uma superfície ótica de transferência de dados (ODTS). Ela consiste em um painel fino que se adere à tela de um computador ou outro equipamento eletrônico.
Segundo os designers, os DataStickies contariam com adesivos condutores sensíveis à pressão, que poderiam ser reutilizados em deixar marcas. Você também poderá escrever sobre eles, e as bordas acenderão durante a transferência de dados.

“Se for preciso entregar um arquivo, basta usar um único adesivo, em vez de um pen drive inteiro”, descrevem Anand e Singh. ”Os dados relacionados a um assunto específico em um livro podem ser ‘colados’ na página relevante”. O projeto acaba de vencer o prêmio Red Dot Design 2014, um dos maiores concursos de design do mundo.

Os DataStickies seriam feitos de grafeno, um material que Signe Brewster, do GigaOm, descreve como “uma única camada de átomos de carbono, ligados por um padrão repetitivo de hexágonos”. Ela também destacou que o “adesivo-pen drive” é um milhão de vezes mais fino que o papel. O grafeno permitirá que o usuário carregue uma quantidade significativamente maior de dados que a dos pen drives atuais, embora o material ainda apresente alguns desafios.

Quando vejo flash drives minúsculos em uma loja, me sinto como uma carroça velha. Lembro-me da época em que tínhamos que apagar arquivos grandes de discos rígidos externos para abrir espaço! E agora tudo pode ser armazenado em bilhetinhos colados no computador. Só não deixe seus gatos por perto: aquele relatório importante pode acabar na caixa de areia.

via

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Carne Bêbada com Purê de Mandioquinha e Batata




Fernanda (participante do quadro Jogo de Panelas) se empolga com resultado do jantar: 'Arrasei', comemora a mineira. Ana Maria experimenta a Carne Bêbada da anfitriã e elogia receita.







Vamos fazer?




INGREDIENTES

Para a Carne: 
1,5 kg de filé mignon ou outra carne de sua preferência cortado em cubinhos
1 cebola picada em cubinhos
2 dentes de alho picados
4 colheres de sopa de shoyo
Sal
1 lata de cerveja preta que não seja doce
1 lata de molho de tomate
1 pacote de creme de cebola dissolvidos em 200 ml de água Cebolinha

Para o Purê de Mandioquinha e Batata
3 batatas
4 mandioquinhas
100g de manteiga com sal
3/4 de xícara de Leite
Sal
Cebolinha

MODO DE PREPARO:

Carne
Temperar a carne com sal. Em uma panela de pressão refogar o alho e a cebola e acrescentar a carne. Refogar por cerca de 10 minutos, até diminuir um pouco a água. Acrescentar o shoyo, o molho de tomate, o creme de cebola dissolvido em água e a cerveja preta. Misturar e tampar a panela. 
Depois que pegar pressão, cozinhar em fogo baixo. O tempo de cozimento vai de acordo com a carne. Retirar a carne depois de 15 a 20 minutos. Se ainda não estiver macia o suficiente, termine de cozinhar numa panela normal, pois o molho engrossa e tende a grudar no fundo da panela. Servir com cebolinha por cima.

Purê de Mandioquinha e Batata
Cozinhar a batata e a mandioquinha descascadas e cortadas em cubos. Quando estiver macia retirar a água e espremer. Se sobrarem alguns carocinhos, use o mixer levante para obter uma mistura mais homogênea. Acrescentar a manteiga. Levar a panela ao fogo e acrescentar o leite.

Servir com cebolinha por cima.




sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Qual câmera eu devo comprar?

Tá pensando em comprar uma câmera?
Aproveite as dicas do video do canal Zona da Fotografia:




quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

O caminho não escolhido



Num bosque amarelo dois caminhos se separavam, 
E lamentando não poder seguir os dois 
 E sendo apenas um viajante, fiquei muito tempo parado 
 E olhei para um deles tão distante quanto pude
 Até que se perdia na mata; 
 Então segui o outro, como sendo mais merecedor,
 E vendo talvez melhor direito,
  Porque coberto de mato e querendo uso 
 Embora os que por lá passaram 
Os tenham realmente percorrido de igual forma, 
E ambos ficaram essa manhã 
Com folhas que passo nenhum pisou. 
 
Oh, guardei o primeiro para outro dia! 
Embora sabendo como um caminho leva para longe, 
Duvidasse que algum dia voltasse novamente. 
Direi isto suspirando 
Em algum lugar, daqui a muito e muito tempo: 
Dois caminhos se separaram em um bosque e eu... 
 Eu escolhi o menos percorrido 
 E isso fez toda a diferença. 

Robert Frost, 1916
*Robert Lee Frost (26 de março de 1874 a 29 de janeiro de 1963) foi um dos mais importantes poetas dos Estados Unidos do século XX.


Amassador de batatas

Item para lá de indispensável numa cozinha, escolha o seu:



Amassador de Batatas Edu Guedes Aço Inox


Amassador de Batatas e Legumes - Brinox


Amassador de Batatas em Inox - Euro Home Gadgets


Amassador de Batatas Passato.


Amassador de Batata Essentials



Amassador De Batatas Rest Vermelha